Escola da Vida Contabil
Empreendedorismo Contábil Recursos Humanos Sistemas

Robô Contador: Entenda como funciona e qual o impacto no setor

Com apenas sete meses de atuação, robô contador, da ROIT Consultoria e Contabilidade, superou 1 milhão de lançamentos contábeis sem interação humana!

via Abertura Simples

ROIT Consultoria e Contabilidade lançou há sete meses um Robô contador que automátiza todas as atividades do setor contábil. “O principal impacto foi o ganho de escala. Lançamentos automáticos significam que fomos mais rápidos, mais assertivos e que somos capazes de atender mais empresas, com mais volume”, garante Lucas Ribeiro, sócio-diretor da fitench curitibana.

A ROIT é a primeira empresa brasileira em seu segmento a implementar as tecnologias de machine learning (aprendizado de máquina) e deep learning (aprendizagem profunda).

Os investimentos já ultrapassam 5 milhões de reais em programação e desenvolvimento do sistema de inteligência artificial para a criação de dois produtos.

O primeiro é o ROIT Bank que automatiza quase todas as atividades do setor contábil, fiscal e financeiro. Já o segundo é o ROIT People que realiza o gerenciamento e automatiza processos de DP e RH, desde admissão até a demissão. Ambos eliminam tarefas burocráticas do dia a dia, otimizando o tempo dos colaboradores e consequentemente os resultados.

Robôs substituem humanos?

De acordo com a empresa, os profissionais da ROIT estão reagindo muito bem à nova tecnologia, pois estão podendo se dedicar às análises de fato sem perder tempo com lançamentos repetitivos.

“Não houve demissões, inclusive estamos contratando 100 novos funcionários. Queremos atingir, como chamamos, o estado da arte da contabilidade, ou seja, a contabilidade passar a ser invisível e totalmente perfeita, com tecnologia e inovação”, conta Ribeiro.

Lucas Ribeiro conta que, desde o lançamento, foram feitas inúmeras modificações, correções e aprimoramento nas ferramentas. Nas primeiras semanas de atuação do robô contábil, por exemplo, foram realizadas 1.800 operações por hora e mais de 8 mil classificações contábeis.

Mas essa capacidade, praticamente, dobra e até triplica a cada mês com o aprendizado da inteligência artificial. “Estão previstas várias funcionalidades novas. Surpresas virão!”, finaliza Lucas Ribeiro.

E aí, o que acha do robô contador? Deixe seu comentário abaixo!

FONTE: Abertura Simples | https://aberturasimples.com.br

Leia Também

Design thinking: como inovar a atuação do seu escritório contábil

EVC

Como você contador, pode trabalhar de onde quiser e com mais qualidade de vida?

EVC

A importância da inteligência artificial para o contador do futuro

EVC